Aquecendo sua casa neste inverno by Dênis Conte

O inverno recém começou e a procura por aquecedores e lareiras vem aumentando gradativamente, as opções no mercado vão além do funcional e trazem charme a qualquer ambiente.

Todos aquecedores funcionam a partir do mesmo princípio: esquentam o ar em volta do aparelho e fazem-no dissipar, aquecendo outra porção e assim sucessivamente.  Os modelos mais encontrados de aquecedores são os com resistência incandescente, termo-ventiladores e a óleo.

Os modelos com resistência incandescente ficam com a resistência aparente e o calor entra em contato direto com o ar, por isso o aquecimento do ambiente é rápido. Por outro lado, tendem a concentrar o calor nas proximidades, sendo menos eficientes para espaços mais amplos.

Os do tipo termo-ventiladores têm uma hélice para acelerar a renovação do ar ao redor do aparelho, ampliando o alcance e esquentando mais rápido, possuem ruído semelhante ao de um ventilador. São Indicados a espaços médios e pequenos.

Nos aquecedores a óleo, o óleo é aquecido e troca calor com o ar do entorno. São silenciosos, porém demoram mais para começar a fazer efeito, já que é preciso o óleo estar quente primeiro. Aparelhos de chão, em geral são indicados para espaços pequenos e médios, como banheiros e quartos.

Hoje em dia existem diversos modelos de lareiras, que vão das tradicionais a lenha, passando pelas a gás, elétricas e recentemente as ecológicas, que estão modernizando o mercado brasileiro sob as novas exigências de consumo consciente.

As clássicas lareiras à lenha preservam o cheiro de pinho, os estalos da madeira queimando e a cor natural do fogo. Elas podem ser feitas de alvenaria ou de metal e podem ser compradas prontas ou feitas sob medida embutida na parede. Ambas necessitam do auxílio de um profissional para fazer corretamente a canalização da fumaça e a construção da lareira de alvenaria deve ter o acompanhamento de um arquiteto, pois o tamanho do equipamento deve ser calculado para que haja eficiência tanto na função de distribuir calor quanto no espaço disponível no ambiente. Cuidados como utilizar um tijolo refratário e uma porta térmica de vidro evitam problemas no futuro.

As lareiras a gás usam gás GLP (botijão de cozinha) ou gás natural, a mais comum é a linear, que vem com pedras vulcânicas colocadas sobre os queimadores. Essas pedras retêm o calor sobre o equipamento mantendo a temperatura do ambiente por muito mais tempo. Para instalar uma lareira desse modelo, é necessário fazer uma caixa de concreto ou alvenaria para acomodar os queimadores. A grande vantagem desse tipo de lareira é que elas não fazem sujeira nem fumaça por isso dispensam o uso da chaminé. É necessário ter um ponto de gás no local que você escolheu colocar a lareira, que deverá ser feito por um profissional especializado e ele já deve estar pronto na hora em que o técnico for instalar a lareira.

Importante: você deve ficar atento se a lareira que você comprou ou está pensando em adquirir possui sistemas de segurança regulamentados pela ABNT na NBR 13.103. Certifique-se de que ela possui uma válvula que corta o fornecimento de gás caso a chama apague, evitando que o gás se espalhe pelo ambiente. Verifique ainda se o produto possui um sistema que mede a quantidade de gás carbônico no ambiente e desliga automaticamente quando a quantidade desse gás for considerada imprópria para a respiração.

Lareiras elétricas ou digitais são as que funcionam como um aquecedor, porém com todo charme que uma lareira pode oferecer, elas possuem uma chama em 3D. Elas podem ser embutidas na parede ou penduradas como quadro. Possuem sistema de segurança, controle de temperatura e até ajuste de iluminação.

As lareiras ecológicas são feita em recipientes de aço inoxidável, a chama da lareira se mantém acesa através do biofluido à base de etanol. A substância foi desenvolvida especialmente para este fim e sua combustão não produz fumaça nem cheiro e a emissão de CO2 é baixíssima, menor que o equivalente a nossa respiração. O interessante é que as chamas têm coloração amarela, assim como as das lareiras à lenha.

É importante salientar que antes de efetuar a compra é necessário a orientação de um profissional para garantir a segurança da instalação. A lareira deve ser proporcional ao tamanho do ambiente, por exemplo: uma sala de 100 m³ pede uma lareira de 54 cm.

Beijos

Dênis

2 comentários sobre “Aquecendo sua casa neste inverno by Dênis Conte

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s