O figurino de Branca de Neve e o Caçador by Camila Brasil

Um dos meus programas preferidos desde sempre (quando eu era modelo e vivia em Nova York, fazia isso em quase todos os lançamentos), é ir ao cinema. Mas, sendo jornalista, sobra pouco tempo e  é raro eu ter um tempo pra isso. Mas hoje consegui sair mais cedo do trabalho e, no caminho pra casa, decidi ir a uma sessão de Branca de Neve e o Caçador.

Confesso que sou apaixonada por vilãs. Mas Charlize Theron, como a Rainha Ravenna, simplesmente arrebenta. Entre todas as personagens dessas histórias consideradas infantis que foram refilmadas para atrair adultos (aconteceu com Chapéuzinho Vermelho, que virou A Garota da Capa Vermelha, aconteceu com Branca de Neve, que ganhou essa versão e outra, da Disney, e ainda vai ter com A Bela Adormecida, onde a vilã será Angelina Jolie, que usará chifres bizarros), ela foi minha preferida até agora.

Nas aulas de figurino na faculdade de moda, aprendi que a roupa pode definir uma personagem. E nesse caso, é exatamente isso que acontece. A rainha usa e abusa do dourado, remetendo ao poder. Nas cenas em que está frágil, um preto desbotado, e quando está brava, um preto escuro. Hoje está havendo uma popularização de vilãs com roupas brancas, o que eu não gosto. Na Branca de Neve e o Caçador, Charlize só aparece com branco em uma cena fantástica, que ela mergulha no leite.

Os elementos usados para agregar valor e graça aos vestidos também são o máximo. Metal e pedras (em verde esmeralda e roxo), contrastam com elementos incomuns, como penas (me apaixonei pela capa de penas) e cabeças de pássaros. Ah, os pássaros têm uma ligação muito forte com a personagem, que se transforma em vários em um momento do filme, e vive rodeada de corvos.

Quando o Douglas assistiu o filme e me disse que estava desejando MUITO o figurino da Ravenna pra um editorial, não acreditei que pudesse ser muito fantástico. Mas hoje posso assinar embaixo de tudo o que ele falou. E digo mais: com o final fraco do filme, deu vontade de rescussitar a rainha, só pra aparecerem os figurinos, que davam climão ao filme.

Ah, os cabelos dela também estavam sempre poderosos, com volumes lindos, e tranças características da época.

Quem ainda não viu o filme e conseguir pegar uma sessão meio fora de hora, como eu consegui, pode ir, porque mesmo não gostando da história, vai se apaixonar por essas roupas.

Xoxo,

Camila

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s