Vídeos fashion da temporada S/S internacional

Como todo mundo já deve ter percebido, hoje em dia as marcas estão crazy in love pelos vídeos de moda. Tanto as internacionais quanto as nacionais apostam nesse tipo de mídia para divulgar seus lançamentos e potencializar as vendas. Também pudera. Uma coisa é ver a roupa parada, numa foto. Outra, bem diferente, é podermos perceber ela em movimento.

E com a temporada de lançamentos primavera/verão (spring/summer) no exterior, vários novos vídeos estão pipocando pelo Youtube o no Vimeo. No que isso nos afeta? Primeiro porque a maioria das tendências que teremos no nosso verão vem dessas grandes grifes. E outra porque ainda temos um verãozinho aí pela frente e dá pra roubar várias ideias bacanas.

Vamos, então, aos nossos vídeos preferidos que estão rolando por aí.

Victoria Beckham (dirigido por Quentin Wilson)

O vídeo fofo, em formato stop motion, mostra a coleção tão fofa quanto, com shapes largos, incluindo o modelo de vestido que a estilista usou no casamento real. E tanto na edição quanto nas roupas, muitos gatinhos fotos e cores claras contrastando com fortes.

Lanvin (dirigido por Steven Meisel)

Depois de botar Raquel Zimmermann pra dançar I Know You Want Me, a Lanvin montou uma festa com cobras acompanhando os modelos. Os shapes eram, em sua maioria, justissímo para as mulheres, algumas vezes contrastado com outros mais fluidos.

Na cartela de cores, uma composição de azuis, vermelhos, pretos, verdes e tons de rosa, foram arrematados com brilhos localizados. Para eles, a grife apostou em ternos ajustados e elegantes.

Marni para a H&M (dirigido por Sofia Coppola)

A H&M apresenta a coleção criada especialmente pela Marni numa espécie de fim de semana no sítio. Nas roupas, muitas estampas, algumas delas em mix. Nos shapes, o conforto predomina. Para o dia, cores claras e alegres. Para a noite, o colorido é trocado por tons mais austeros, como o marrom.

Prada

Com claras referências aos anos 40 e 50, a Prada apresentou um vídeo bem colorido, simulando uma espécie de posto de gasolina de época. Nas roupas, muito drapeado, cintura baixa, saias midi e hot pants (numa espécie de confronto entre a housewife com a bitch dentro de cada uma).

Na cartela de cores, amarelos, azuis e rosas super fracos contrastaram com verdes, vermelhos e bordôs super fortes. Destaque para algumas peças com trabalhos manuais.

Melissa (criado por Rodrigo Leão e Giuliano Cesar)

No primeiro dia de Mercedes Benz Fashion Week em Nova York, a Melissa inaugurou sua flaship no Soho. A marca brasileira montou um vídeo mostrando seus plastic dreams para convidar as pessoas a visitarem a loja.

Por hoje era isso. Amanhã rola um editorial.

Beijos e abraços,

Douglas e Gabriela

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s