Sem contra-indicação!

Técnica promete preservar a saúde dos cabelos na hora das luzes!

O verão já prejudica qualquer tipo de cabelo, não é mesmo? A exposição ao sol, piscina, mar, ou até mesmo o aumento de freqüência com que os lavamos, faz com que eles percam a qualidade. E quando os cabelos são descoloridos, esses problemas se acentuam.

Pois agora chegaram ao Brasil, através do cabeleireiro Chris Villas Boas, do Visage Coiffeur, no RJ, as luzes minerais, ou então, luzes transparentes.

A técnica, importada de Nova York, onde se chama mineral lights, é feita com uma pequena quantidade de descolorante e água mineral e aplicada no cabelo por aproximadamente 20 minutos.
Segundo Chris, a técnica se aplica melhor em cabelos virgens, mas que cabelos com clareamento e alisamento podem recebê-la sem problema algum.

O que difere as luzes minerais das luzes comuns é que, com as luzes normais, o processo é mais intenso, usando um clareados ou até mesmo uma grande quantidade de descolorante. Com isso, o cabelo acaba sofrendo com a ação, fica danificado e com falhas de proteínas, o que faz com que fiquem quebradiços.

O resultado das luzes invisíveis é discreto. Elas não ficam destacadas como quando são feitas com a técnica normal, ao contrário, ganham um ar natural, como se fossem do próprio cabelo. Pra se ter uma idéia, o efeito é mais suave e com menos prejudiciais do que o das luzes californianas.

No RJ, uma aplicação das mineral lights custa R$ 220.

O resultado das luzes minerais é discreto e os danos aos cabelos são pequenos.

TEXTO: Douglas Petry

FOTO: Reprodução

Site It, sempre muita novidade!